Voltar

Estrias

As estrias surgem devido a um estiramento excessivo da pele que acarreta no rompimento das fibras elásticas, sendo causado por diversos fatores incluindo gravidez, hormônios, medicamentos, obesidade, crescimento excessivo da musculatura, vício postural, trauma externo, etc. É, portanto, um conjunto de fatores que leva os pacientes que apresentam predisposição genética e/ou individual a manifestá-la.

As estrias são classificadas como recentes : vermelhas ou violáceas, e antigas, nacaradas e esbranquiçadas.

As estrias recentes devem ser tratadas como uma “emergência”, o mais precoce possível, pois têm uma melhora  aos tratamentos.

As estrias pós-gestacionais com atrofia da pele melhoram muito pela associação de tratamentos como a aplicação de vitamina C, silício e ácido hialurônico, com o uso de laser fracionado, como o Fraxel Dual.
Quanto mais antigas as estrias mais longo será o tratamento e a obtenção de melhora.

Porém é importante lembrar que sempre que tratar das estrias a sua melhora será gradual, ou seja, cada sessão que fizer haverá uma melhora do colágeno, da textura, com melhora do seu aspecto.

Mesmo que não der continuidade ao tratamento, o que foi feito não será perdido.

Algumas terapias visam melhorar o aspecto inestético das estrias, como os peeling químicos e físicos, laser fracionados como o Pixel, a 1320nm do Harmony e o laser de CO2 fracionado, Acupulse e Fraxel.